Golbery Sorri no Inferno?

fev 25, 2018 by

Golbery Sorri no Inferno?

GOLBERY SORRI

NO INFERNO ?

                                                                                                                                                                                  (Redação)

            UM

 

       O General Golbery, desde mais de 50 anos , início da década 1960 , tem uma importância e repercussão muito maior, do que muitos pensam , de lá para cá , e ininterruptamente, inclusive no Brasil de hoje  .   

  Foi o grande articulador , com a CIA, estrategistas americanos,  do primeiro golpe político-militar, que derrubou o Presidente Goulart, então com 70 por cento de aprovação popular , executado em  1964 , após grande agitação popular , com milhões de dólares da CIA usados para isso  , via IPES e IBAD, e depois dos demais golpes e da afirmação de uma contrarevolução a antidemocrática e antinacional .

Que, afinal, etapas sucessivas , destruiu a soberania e independência nacionais. EUA.Real fundador da ESG , SNI,etc. disfarçada ou abertamente. Cordeiro de Farias ,Marechal, influente na época ,dizia que a “ESG ( Escola Superior de Guerra),era filha dos americanos, naturalizada brasileira ” .( Cf,entre outros, “Ministério do Silêncio” , de Lucas Figueiredo ) .

   CONSPIRAÇÃO ,  CLARO ,SIM SENHOR ! 

A trama, uma verdadeira conspiração , e sofisticada , com certeza elaborada por estrategistas competentes além do dedo local de Golbery  e seu grupo , confirmação que as teorias da conspiração sempre tiveram , boa parte das vezes, razão de ser e não foram nem são  fruto de qualquer imaginação.

(De fato, elas são centro da política real, bem explicadas em “O que é a política?” , de J. Freund, mostradas em detalhes,  e levadas em consideração desde Maquiavel e Clapmar a Bobbio, sendo sempre ironizadas por analistas da big mídia  a serviço do Império – ou por  pretensiosos jornalistas , que pretendem-se “isentos”).

Situação que , em boa  parte institucionalizada, chega a nossos dias, tendo liquidado desde então o que ainda nos restava de soberania e independência nacionais .Ela consolidou, por etapas , envolvendo desde crimes, torturas, prisões , matanças,  o que temos chamado de “Estado Frankenstein”.

Isto é, um  estado brasileiro fracassado de exceção informal, implícito, atual, cada vez mais evidente,  o que um  Ianni, já  há muitos anos, administração FHC, chamava de “província” , e Unger , Mangabeira, mais recente , tem  caracterizado como um “protetorado americano”. 

  POR QUE ” DEMOCRACIA” CONTROLADA ?

As esquerdas , assim como as “esquerdas” tipo as lulopetistas , e democratas em geral,  da mesma forma que líderes políticos , a sociedade , povão, foram confundidos por ardis diversos , diversionismo, contrainformações, desinformações, falsas e deturpadas pesquisas, crimes mascarados , parecendo mortes casuais .

Mais propaganda intensa, promoção de falsos líderes (os casos mais evidentes, Lula e Dirceu ) , e uma História Oficial, na verdade uma Contra-História , que manipulou fatos e situações, mesmo quando fingia investigá-los – o que gerou , “pós-terrorismo” , deturpações como a “anistia geral e irrestrita”, “desaparecimentos forçados “, até hoje , ousadia impar de criminosos políticos e seus defensores, autores de hediondos crimes.

Nem admoestações internacionais , legais , face ao desrespeito de normas , foram levadas em consideração , do mesmo modo que apelos ao STF (hoje, com suas entranhas já bem mais desnudadas, o que permite entender suas decisões  ) .

Ao centro disso, a “democracia golberyana“,relativa(Geisel), oferecida numa bandeja a anistiados, torturados, sofridos brasileiros , como se ela fosse uma conquista dos derrotados, e não mais uma tática  dos vencedores(Império, mascarado, sempre à frente e promovendo novos líderes como Lula) .

Eles  sabiam precisarem urgente preparar o ” futuro” por eles almejado , legitimarem-se , “legalizarem-se” , sob risco de haver algum tipo de reversão ou contestação maior , ainda que parcial, de sua acachapante e evidente vitória militar e política, buscando-se agora consolidar a ideológica – garantia para longos anos de  terreno seguro político com o alcance efetivo dos objetivos militar-imperialistas previamente traçados .

O que ocorreu , após “limpeza” política que chacinou as reais esquerdas , da ALN ao PC do B( com Araguaia e tudo mais,caso da Lapa /1976) passando pela APML e pelo avô das esquerdas, o PCB , percebido,pela experiência política,organização e capacidade teórica,como altamente perigoso,  para o regime(sua cúpula dizimada/torturada, havendo “desaparecidos”).

Os estrategistas bem sabem que não se combate apenas para esmagar o inimigo, às vezes, até com muitos danos, mas,sim,  para estabelecer o terreno onde adiante os vitoriosos frutificarão os objetivos agora alcançados , que antes levaram à guerra.

  CONCILIAÇÕES E TRAIÇÕES CLÁSSICAS 

As elites oligárquicas fizeram, nesse processo,  o de sempre, característica de seu passado  – ignoraram as forças populares derrotadas (e esmagadas pela tortura, censura, etc.), fizeram acordos espúrios por “cima “, traíram os interesses populares( o mesmo que fizeram em toda a nossa História , conciliando a qualquer preço, como bem lembrou Honório Rodrigues, entre outros), submeteram-se servilmente , mais uma vez, aos interesses maiores do Império/oligarquias locais sempre aliadas a ele .

  [ E isto inclui Ulisses, Tancredo Neves , Covas, Brizola …,acertados entre si e com  o Império/ militares , para levar adiante a ” distensão lenta e gradual ” americana / golberyana ,  para ficarmos só na Oposição legal à  ditadura .As esquerdas também participaram, derrotadas , enfraquecidas , exceção de Prestes , discordante, mas saindo do PCB ) .

Desde antes da Segunda Guerra, já o Império articulava-se para esmagar reações nacionalistas e pela independência e soberania nacionais (a última tentativa anterior , fracassada , pró-interesses imperiais/oligárquicos  de maior monta , foi  quando do suicídio de Getúlio, 1954) ] .

Aliás, década sessenta , a situação ficara bem mais séria – João Goulart não fora   só mais um “burguês” demagogo,pois efetivamente levara adiante reformas, incluindo a agrária, monetária e outras(Cf. Moniz Bandeira, “O governo João Goulart”)atingindo direto os lucros extorsivos das empresas estrangeiras (em especial americanas) -e interesses cruciais do Império .

Além disso, muito apoiado popularmente (apesar das agitações pagas a dólares, em sentido contrário(o que mais que provado hoje), crescia o nível de organização das esquerdas , massas populares, movimentos, etc. Exato o contrário do que fez o pelego neoliberal Lula . Que se defende de seus crimes comuns , usa o povo para isso, e não  agita qualquer programa que represente avanço – muito menos anti-imperialista .

Por isso, Goulart vai ser logo  derrubado por um efetivo golpe/contrarevolução , viu-se bem logo depois, envolvendo vários outros “golpes”, enquanto uma Dilma, p.e.,  foi afastada,(apenas) do centro de gravidade do poder ,  por uma das outras  frações políticas , componentes do bloco dominante neoliberal de poder , pela corrupção em excesso  e incapacidade de gestão pública normal , com mínima eficiência , a certa altura.

Isto é, situação que colocava em risco não a administração, eis  que ela nem governava(tomava diretivas fundamentais) ,  nem administrava , mas, sim,  o próprio regime político. O que traria prejuízos a todo o bloco de poder, com riscos de queda , o que só não ocorreu pela deterioração das esquerdas promovida pelo PT/ Lula da Silva , ” liderando-as” durante décadas .

Agora, em 1964,  tratar-se-ia de algo de maior monta, mais planejado , resolvendo de vez a questão da necessidade de liquidação, pelo Império, daqueles sonhos nacionais e independentistas  brasileiros, envolvendo industrialização , desenvolvimento, energia nuclear , que , já sabidamente, não poderiam  nunca serem admitidos por ele (Chomsky,  ob.cit.CSN/EUA).

Fez o que faria , e fez , antes e depois, deliberadamente, em outras “colônias”informais  suas- logo em 1965, na Indonésia, com um massacre superior ao aqui ocorrido, eis que lá muito organizados os partidos comunistas , com milhões de membros – e partidos  legais, o que facilitava/ou  a repressão , além de, então, antes, , maior politização.

Mas, tudo isso é muito complicado para brasileiros comuns  que deliciam-se com novelas o mais baixo nível , caso da “Outro lado do Paraíso(Globo), cujo sucesso fala por si e atesta o nível de consciência popular. (Além de “confusão ideológica” promovida via/por celulares, tvs modernas, face book, smart fones) .

De fato, uma maioria , como muitos brasileiros , cheios de fé , acredita em contos de fadas, outros pensam que o Brasil relativamente soberano e independente “daquela época ainda existe e resiste,  e terceiros, religiosos,  acreditam em Céu, Inferno, Purgatório e até Diabo . E que , possível , Jesus Cristo nos salvará a todos.

Golbery, já falecido , como os generais Castelo, Geisel , Figueiredo, Médici, Silvio Frota  e tantos outros seus parceiros , estariam hoje aonde ?! Todos militares locais engajados,   puxaram os cordéis da CIA- então,  estariam, hoje,  aonde ? 

   DEBOCHANDO DE GOLBERY E DO BRASIL  

Por certo, no Inferno –  eis que responsáveis por inúmeras torturas, mortes , empalamentos, esquartejamentos, Constituinte viciada (um Congresso deturpado )  , “desaparecimentos forçados” , anistia eterna para hediondos torturadores e para sequestradores de cidadãos até hoje desaparecidos – e  daí para a frente – e mais genocídios, favelas aos milhares, violência indiscriminada entre os próprios brasileiros, presídios indignos,  dívida externa de trilhões de reais, corrupção a ponto quase  única no mundo .

Isto além de terem pautado aquela Constituinte deformada de 1986 e a atual Constituição , 1988 , protegendo desde o foro privilegiado até um absurdo presidencialismo de coalizão, um STF indicado pelo presidente , em troca de jogos de interesse , além de um Presidente a nível de um Temer , bem conhecido por malas de dinheiro via tv .

E , não se pode esquecer , um ridículo líder da Oposição(?!) ! Lula , envolvido  no “mensalão”, dele tendo escapado da condenação e prisão graças à big mídia (de quem hoje tanto reclama) ,  instituições corrompidas , inclusive o Judiciário, sempre blindado, escorado por altos índices de popularidade oriundos de demagogia e corrupção sem limites.

 (ao fundo , sob a proteção do Império , o único, via seus inúmeros tentáculos, não só capaz de elegê-lo, se ainda lhe interessar, como   capaz de livrá-lo de tantas acusações e  provas contundentes, inclusive no “petrolão”. Até agora continua solto lépido e fagueiro ) .

E ainda  continua envolvido nos muitos escândalos da Petrobrás  –  e que , hoje , passa os dias jurando ser o “cidadão mais honesto do Brasil”, comparando-se a Tiradentes e Jesus Cristo . O auge do ridículo e farsa que, dizem , ainda mereceria apoio de 30% dos brasileiros ! Braz$l /2018 ,  construção americana/golberyana , que , como Lula,  vem de longe – décadas.

Mas, Golbery estaria então rindo, feliz, com seus comparsas Walters , Castelo, Figueiredo , Gordon , Kennedy , Bentley e outros ?

Não  , porque os  americanos, estrategistas da CIA ,  e outros, estariam debochando dele , por ter sido, afinal, apenas mais um traidor de seu país , e  idiota metido a construir “geopolítica”  americanófila, que tentaria conquistar(?!), ridiculamente,  a simpatia do Império, tentando mostrar a este a importância e necessidade do Brasil, para ele .

Isto parece claro em seus escritos , em especial na “Geopolítica do Poder “, na interpretação de  estudiosos .  Pretenderia o Brasil como uma “subpotência ” da América do Sul  , ou “subimperialista” , sob o manto protetor e facilitador do Império ?(Cf. “O satânico Dr.Go – a ideologia bonapartista …”, de Vânia N.F. Assunção , dissertação, PUC/SP). Tudo indica , os dados e escritos indicam isso.

No que , óbvio, fracassou,  redondamente, fazendo ridículo papel, acabando por ser manipulado e traído por seus parceiros americanos , levando o Brasil à comprovada catástrofe atual.Bastaria ter consultado o Conselho de Segurança Nacional , EUA, para bem entender os objetivos americanos , como o fez Chomsky (“Para entender o poder”).

SEM ENERGIA NUCLEAR , ARMAMENTO SUCATEADO

Nem o  uso de energia nuclear para fins  pacíficos acabou sendo permitido ao Brasil. Os armamentos fornecidos pelos “parceiros”  americanos – todos sucateados . A certa altura , até Geisel indignou-se e rompeu acordo secreto entre Brasil/EUA, como outros não aprovado pelo Congresso e escondido do povo brasileiro.( “Ideais traídos” ,Silvio Frota) .

 (A outra hipótese , quanto  a  Golbery  e  sua geopolítica , é que desde seus estudos, 1944, em Fort Leavenporth, Centro de Guerra americano, então, anterior até à fundação da CIA em 1947, já tenha sido cooptado pelos serviços de informação americanos, todos seus estudos não passando de disfarce e balela.O que , pelo que desenvolveu, inclusive teoricamente, parece não verossímil , possível acreditar-se na sua teoria nada científica e de fato ideológica ocidentalizada).

Por isso, os outros estariam rindo dele , no Inferno, em alguma roda , não os brasileiros, a maioria militar aliada dele , que assumiu a teoria buscada e oriunda de seu , antes de tudo, fanático e unilateral ocidentalismo . Afinal , ele os liderou , enganando o conjunto das forças militares brasileiras , menos preparadas politicamente, caso do pessoal da “tropa” e do “burocrático”, cumprindo  um papel de idiota pretensioso , desde aquela sua distorcida e unilateral e inviável “Geopolítica do Poder”.

Culpa maior pelo que se desenrolou depois , com sua decisão e e participação, quando poderia ter buscado, com firmeza , mudar rumos políticos.( Os livros de E.Gaspari, apoiados em seus arquivos ,etc. sendo “Geopolitica …”até apresentado pelo jornalista, obviamente não entra nesses pontos , que o comprometeriam. Não busca tanto recato quando refere-se a Geisel e outros generais ).

Dreifuss mostrou , em obra clássica, com nomes e quantias, o esquema montado pela CIA/Golbery, milhões de dólares ,  compra de políticos, década 60 , bem antes da corrupção atual e dos casosde um Temer, Lula, Moreira, Jucá , Dilma e a politicalha restante. (Cf.o clássico “1964 – A conquista do Estado”, que parece a “esquerda “ignorar).

O número de generais envolvidos, corrompidos , antes do golpe, entre 1960/1962 , impressiona – como os nomes – vários foram ministros, alguns presidentes,  puxados pelos cordéis dos serviços secretos, Golbery na linha de frente. Malas de dinheiro hoje , com Temer , Lula, e cia.? Sem novidade, só o General  Kruel recebeu, SP, milhões de dólares , como depois narrou um coronel. Brasil, quase que já Braz$l então, hoje Braz$l.(Fatos todos comprovados. Pesquise.Cf.).

E aí pensa-se em 2018, militares mais isolados décadas , de lá para cá,   defendendo suas ações naqueles tempos(1964)  , sem controle democrático  da sociedade , tendo o acima referido como mostra de como então foram corrompidos , e por dólares estrangeiros( Cf.Dreifuss, “1964…” ,entre outros ) .Agora , comandantes  de tropas no Rio trouxeram tropas especiais de Goiás para aqui atuarem por considerarem tropas comuns corrompidas (?!) ( OG, 25-2-18) .

Quer dizer , o que se pode esperar em vista do antes resumido? Os militares também em boa parte com seus potenciais anulados , como partidos de centro, centro-esquerda , movimentos sociais ,etc., atingidos entre outros fatores por corrupção generalizada ?

Golbery ,se rindo por seu vitorioso trabalho , no máximo exibiria um sorriso amarelo, embora os estrategistas do Império tenham ido ,por aqui, até mais longe do que pretendiam, em suas conquistas .

,

   CERTOS INTELECTUAIS LULOPETISTAS 

Mas, o que mais impressiona  , no lulopetismo , é como intelectuais como um Petras, 2003, já enxergavam e analisavam bastante bem tudo  isso. Da mesma forma que um Weffort , fundador do PT , em 2008,  e , depois, Chico de Oliveira . Todos denunciaram aspectos estranhos , denúncias , mostraram desconfianças e escreveram a respeito. Foram ignorados por maciça propaganda  contrária .

Entretanto, em  pleno 2018, vê-se que  , compactamente, ainda um PT e aliados mantêm pétreo apoio a Lula, sem análises maiores , nada. Não se vêem sequer alguns intelectuais, profissionais liberais, professores , dessas “esquerdas”- duvidarem daquele castelo de cartas totalitário(não apresentam argumentos ) fantasioso , hoje exibido pelos lulopetistas. Não há discordantes, entre eles , nem parcialmente – ninguém desconfia de nada .Como explicar isso ?

Como a argumentação pró-lulistas  é fraquíssima,  ou inexiste, como explicar , além  da ignorância nacional conhecida,  por parte dos mais deseducados,  uma situação assim como a que vemos hoje ?

O Brasil imobilizado, sem forças à esquerda, sequer ao centro , ou mais democráticas ou de  sequer uma direita civilizada, aptas a alterar, por pouco que seja , o caos nacional – esperando salvadoras (?!) eleições ao final de 2018!Lulopetistas apostando em repetição de mentiras em série e negativas. Além de procurarem dificultar soluções – embora haja indícios de composições nos bastidores .

Nem mesmo nota-se uma real direita militar nacionalista, militares perdidos e sem proposta (já atuando , como sempre desejou o Império para eles, como mera polícia um pouco mais poderosa e sofisticada ) – desde que, agora,  sem poderem apontar um real inimigo comunista , ou algo assim, capaz de uni-los .

Tais militares parecem limitarem-se a propostas superficiais, revelando , sim, falta de propostas efetivas , e um nacionalismo muito vago, que nem tem coragem de se explicitar , e que limita-se a meras e vagas menções a estatizações eventuais – e nada mais.

O que ainda assim é suficiente para que as direitas mais simplórias já joguem pedras políticas neles , via um Bolsonaro, ignorando que o impulso estatal é indispensável ao próprio desenvolvimento capitalista. O que revela ignorância também. (Paulo Guedes , assessor econômico de Bolsonaro, propõe-se, para zerar a dívida pública, “privatizar tudo”(?!)(FSP, 25-2-18).Resta muito pouco para isso(?!)

 O poder do Império , responsável , afinal,  pelo que anotamos , crise geral brasileira,  vendo-se agora claramente a que reduziu o antigo Brasil , via Golbery / militares mais esperta luta ideológica , em especial , e  , evidente, crimes , sequestros, golpes e assassinatos de tempos em tempos,  cinismo absoluto (“a razão cínica” de nosso tempo ), além da manipulação da big mídia, em especial  .

Ora, pode  calcular-se, pelo acima lembrado,  a que ponto chega o poder do Império, de sua mídia internacional, dominação econômica, ideológica (para começar ), e militar  e política, por aqui.

Além da amoralidade já sedimentada , via indireta, por ele , quanto à manipulação também do já doentio povo brasileiro  – educação deficiente, mídia controlada e autocensurada , desinformação ,etc.(Cf. arts. neste blog).

Só tal pode explicar um líder de Oposição como Lula, uma direita a mais evidente(e até assumida, publicamente, por ele mesmo), além de despreparada , a  liderar(?!) autodeclarados marxistas, estes a  aceitarem liderança em que só por fé política(?!) , não razão, pode-se  acreditar .

CORRUPÇÃO TAMBÉM À ESQUERDA

Ou isso , ou nem esses “marxistas” poderiam serem considerados marxistas ou esquerdistas, embora liderando algumas massas manipuláveis atrás de si , algo que teria que ser  analisado caso a cas0  .De qualquer forma, indicativos de  corrupção desenfreada (nas esquerdas, pois aquela “em geral” , todos já conhecemos- só ler manchetes ) , troca de interesses , empregos, moradias , etc., infiltrações policiais  , desvirtuamentos teóricos, entre outras .

A festiva legalidade, já de décadas ,deve ter facilitado  e multiplicado ações policiais à esquerda e desvios teóricos justificadores.

Parte do povo brasileiro pode ter sido  corrompido até à “alma”, por toda essa falsa “frente de esquerda” ou “popular”  do PT / etc.  – só tal podendo ser  entendido pelo completo desvirtuamento  da realidade , alienação e uma corrupção a ponto não quase , mas , sim, inimaginável.  Corrupção . Aliás, recurso político utilizado há séculos por generais , Sun-Tsé tendo detalhado muitos aspectos(“A arte da guerra”) . É uma das explicações , ao menos .

Afinal ,  em  sociedades reduzidas,  antes de tudo , e ao fundo , ao simples  valor monetário , capital, o que acaba por incluir moral, cultura, competência , honra, ética , (isto é ,  àquele ouro maldito de Shakespeare , já referido em 1607  , dita por ele  capaz de fazer a mais feia das mulheres ser tida como belíssima ) sem dúvida é possível chegar-se  à total inversão de valores. As novelas brasileiras e nosso dia a dia social, além das manchetes de jornais, revelam isso.

Na política , muitos  a enxergarem,face a pressões e interesses,  como “esquerda”,  o que nada tem a ver com ela ; a corrupção como  algo até natural, normal , passando por  honestidade; a mentira  como verdade ; e parecendo normal, simpático , natural,  fingir-se acreditar , cinicamente , nas mentiras ridículas e justificativas sem sentido de um líder ignorante e corrupto .

Tais questões acabam por serem reduzidas a Poder e Dinheiro , que se entranham.Para resistir seria preciso caráter , dignidade , regras Morais . O povo brasileiro as teria apreendido  aonde? Na família fragmentada , escolas e ensino deficientes , novas religiões improvisadas , sem tradição, ou com essas “elites”e mídia  desvirtuadas ?

E não estamos sendo rigorosos ou parciais , mas até indulgentes . Só isso explicaria o lulopetismo, com  30 por cento em pesquisas eleitorais(?!)  , intelectuais tidos como sérios e honestos (?!)  a defenderem as  atitudes  de Lula – e pior , tal de forma unânime entre lulopetistas , praticamente sem exceção . Cinismo de um lado, mais empregos e corrupção ;  ignorância ,manipulação  , propaganda ,$$$ , de outro .

Mas, há precedentes históricos . O bardo já mencionava tal , como referido, no clássico “Timon de Atenas “, há séculos ; Stalin teve êxito por décadas  com suas afirmações de inocência e ainda tem, em nossos dias ,  ferrenhos defensores , que atestariam que “tudo contra ele é mentira”; idem, Hitler ; Orwell, no seu “1984”, que continua na “ordem do dia” , mostra como tal pode ocorrer, ou ao menos uma das formas como tal pode ocorrer.Trata-se de uma questão de poder  e de uso de uma de suas várias formas .

E assim pode-se entender porque um Petras foi e continua ignorado, há anos , embora dados e argumentação resumida e clara(“Brasil- Lula   – ano zero” , entre outros ). E também vale  o mesmo quanto às afirmações e  análises de um Chico de Oliveira ou de um Weffort, desde longos anos.

  “GEOPOLÍTICA DO PODER” DE GOLBERY ?

Golbery e sua geopolítica  do poder , evidente equivocada – basta olhar o mundo à nossa volta e a deprimente situação interna destrambelhada e externa subalterna / dependente do Brasil, sem energia nuclear e com armamentos sequer minimamente   modernos , e indispensáveis à defesa nacional.

Mais – com  toda a comunicação passando pelos EUA , um ” protetorado americano ” , para Unger , daí levando com seu grupo militar ( serviços secretos / informações estrangeiros) , e depois forças militares em geral, o país à ruína , e pela violência e traição ( muitas ações ocultas , encobertas por mentiras) .Situação para a qual militares não apresentam quaisquer saídas , fora boçalidades e simplismos ridículos .Se tal situação , décadas atrás , já era de difícil saída , nem se fale hoje.

A História recente mostra que , em nosso tempo  , e com os avanços científicos , não há rupturas históricas , mudanças sociais estruturais apenas  “normais” e que  o novo , ruptura qualitativa ,  pode ser parido no tempo devido ou abortado , via guerras , genocídios , manipulações políticas e ideológicas .Há tecnologia para isso. Em especial nas comunicações .Assim como aquela para fazer-se um Canal do Panamá e ali criar-se um estado títere – ainda chamado  “democrático” .

E o Império bem percebeu e manipula tudo isso, com maestria . A violência , embora  não só ela , pode ser a parteira da História( mas também a aborteira da História). Ninguém melhor que ele, Império,  assimilou essa lição de Marx, modernizando-a , atualizando-a .Veja-se o  Iraque, Líbia, Síria , Brasil, Israel, Palestina , Afeganistão destruído .

É preciso refletir sobre isso e de alguma forma voltar a pensar naquelas teorias do “capitalismo sem  fim”, do “fim da História”, que os ridicularizados teóricos/filósofos/historiadores  do grande capital talvez não quiseram, há alguns anos,  expor , ao menos este lado, direto e com tanta crueza – abortos ou partos históricos via bombas nucleares , maiores ou menores , guerra sem fim, invasões, golpes , assassinatos, exércitos secretos como os da CIA.

Capazes de antecipar , adiar, alterar os rumos da História , eternamente ? (Desde que havendo poder, recursos , tecnologia para isso. É daí a supremacia militar e tecnológica mantida pelo Império, a qualquer preço ? )  . [Na época ,quem sabe  não lhe interessava  lembrar isso , ainda mais em  estudos de renomados intelectuais (caso de Fukayama )] .

  [ Reflexão – Será por ter consciência disso , hoje, que a China estabeleceu tão singular regime político ? ].  

Mas , aliás , não é mesmo “isso”( seu  poder militar )  que o Império/EUA tem usado para levar suas “democracias” pelo mundo afora ? E ,casualmente ,claro, exato onde  precisa conquistar recursos minerais e outros? 

Será que Trump não chegou ao poder  , despreparado e “empurrado” ,  forçadamente, quase de paraquedas , exato para executar com mais intensidade tal política, que um Obama não assumiria( e Trump,sim, direto, pois ele  nas  mãos do complexo industrial militar ) ?

Isso não alteraria  as perspectivas de mudanças sociais, estando os povos do mundo “civilizado” /Ocidental desarmados , nuclearmente , condenados ou –  (1) a muito sofridas, quase impossíveis  tentativas de rupturas , mudanças ?  ; ou (2) a suportar “tudo”, miséria, genocídios,superexploração   ,  lá o que seja, absurdos ,  do Império do Capital  , sem reação, sob pena do ocorrido no Iraque, Líbia e alguns  outros países , execrados pelo Ocidente ?( Atualmente , caso do Iran, Venezuela, etc.) .

  Nessas hipóteses , voltaríamos àquelas ideologias /filosofias do ” fim da História ” , não importando o fracasso do “neoliberalismo” . Agora , disfarçadamente , ou não, exato pelo fracasso dele .Haveria que suportar-se tudo , não sob ameaças de canhonaços , como no passado. Mas, de bombas nucleares , se resistência houvesse. O ocorrido em Hiroshima e Nagazaki   fala por si .

O sorriso imperialista forçado atual , sempre a fingir defesa da democracia e direitos humanos , não faz o Diabo/Império do Capital ( Ellen Wood)  mudar ou deixar de ser Diabo, com bombas no Iraque, Líbia , agora Síria , inventando pretextos . Há que justificar suas quase 900 bases  militares distribuídas pelo mundo. 

  Será isso, que de forma indireta e confusa, Trump estaria avisando ao mundo  – e até mesmo ameaçando,com suas vociferações, desde que assumiu a presidência  ?  Refletir .

________________________________________________________

(Original não revisado , o que não impede entendimento. Outras partes serão acrescentadas. Abaixo , um simples e elucidativo texto de  F.Weffort, de mais de dez anos , solenemente ignorado pelas “esquerdas, que corrobora o referido . A vitória mais importante, após 50 anos, no Brasil, por “elites” locais e seus mentores do Império, foi e continua sendo a ideológica.  A vitória do Império foi tão acachapante que até hoje o povo brasileiro sequer entendeu o realmente aqui ocorrido , e isso inclui “esquerdas” e mesmo boa parte das esquerdas.

***************************

Lula, o pelego?

 

Imagem relacionada Que coisas tão graves em seus gastos na Presidência estará Lula procurando esconder da opinião pública? Que de tão grave têm as despesas dos palácios do Planalto, da Alvorada e da Granja do Torto que possam explicar a cortina de fumaça que o governo criou para impedir o controle dos cartões corporativos de Lula, Marisa, Lulinha, Lurian etc.? A estas alturas, só o governo pode responder a tais perguntas. E como o governo não responde, a opinião pública, sem os esclarecimentos devidos, torna-se presa de dúvidas sobre tudo e todos.

É conhecida a ojeriza de Lula a qualquer controle sobre gastos. Evidentemente os dele, da companheirada do PT, dos sindicatos e do MST, sem esquecer um sem-número de ONGs sobre as quais pesam suspeitas clamorosas. Ainda recentemente, ele vetou dispositivo de lei que exigia dos sindicatos prestação de contas ao TCU dos recursos derivados do imposto sindical (agora “contribuição”). Há mais tempo, Lula era contra o imposto em nome da autonomia sindical. Agora que está no governo, deixou ficar o imposto e derrubou o controle do TCU. Tudo como dantes no quartel de Abrantes. O que o Lula e os pelegos querem é o que já existia na “república populista”, dinheiro dos trabalhadores sem qualquer controle.

Lula, a chamada “metamorfose ambulante”, não se tornou ele próprio um pelego? Assim como defendeu a gastança dos sindicatos em nome da autonomia sindical, agora defende sua própria gastança na Presidência em nome da segurança nacional. Isso me lembra uma historinha de 1980, bem no início do PT, quando João Figueiredo estava no governo e Lula estava para ser julgado na Lei de Segurança Nacional. Junto com alguns outros, eu o acompanhei numa viagem à Europa e aos Estados Unidos em busca de apoio. Como outros na comitiva, eu acreditava piamente que tudo era em prol da liberdade sindical e da democracia, e as coisas caminharam bem, colhemos muita simpatia e apoio nos ambientes democráticos e socialistas que visitamos.

Mas, chegando à Alemanha, fomos surpreendidos pela recepção agressiva do secretário-geral do sindicato alemão dos metalúrgicos. Claro, ele também era a favor da democracia e estava disposto a defender os sindicalistas. Sua agressividade tinha outra origem: o sindicato alemão que representava havia enviado algum dinheiro a São Bernardo e cobrava do Lula a prestação de contas! A conversa, forte do lado alemão, foi num jantar, e não permitia muitos detalhes, mas era disso que se tratava: alguém em São Bernardo falhou na prestação de contas e o alemão estava furioso. Lula se defendeu como pôde, mas, no essencial, dizia que não era com ele, que não sabia de nada.

A viagem era longa. Antes da Alemanha, havíamos passado pela Suécia, e fomos depois a França, Espanha, Itália e Estados Unidos. Em Washington, tivemos um encontro com representantes da AFL-CIO, e ali repetiu-se o mesmo constrangimento. Embora não tão agressivos quanto o alemão, os americanos queriam prestação de contas sobre dinheiro enviado a São Bernardo. Mas Lula, de novo, não sabia responder à indagação referente às contas. Ou não queria responder. Não era com ele.

  Nunca dei muita importância a esses fatos. A atmosfera do país nos primeiros anos do PT era outra. Ninguém na oposição estava antenado para assuntos desse tipo. O tema dominante era a retomada da democracia. A corrupção, se havia, estaria do lado da ditadura. Saí da direção do PT em 1989 e me desfiliei em 1995. Até então era difícil imaginar que um partido tão afinado com o discurso da moral e da ética pudesse aninhar o ovo da serpente. Minha dúvida atual é a seguinte: será que a leniência do governo Lula em face da corrupção não tem raízes anteriores ao próprio governo? A propensão a tais práticas não teria origem mais antiga, no meio sindical onde nasceu o PT e a atual “república sindicalista”?

Talvez essa pergunta só encontre resposta cabal no futuro. Mas, enquanto a resposta não vem, algumas observações são possíveis. Parece-me evidente que no momento atual alguns auxiliares da   presidência  — a começar pelos ministros Dilma Rousseff, Jorge Hage e general Jorge Felix — foram transformados em escudos de proteção de possíveis irregularidades de Lula e seus familiares. O outro escudo de proteção é Tarso Genro, que usa uma ginástica retórica para, primeiro, garantir, como Dilma, que o dossiê não existia, só um banco de dados. Depois passou a admitir que existia o dossiê, mas que isso todo mundo faz.

Mais ou menos como no episódio do mensalão, lembram-se? Naquele momento, o então ministro Thomas Bastos, acompanhado por Delubio Soares, disse que mensalão não existia, que eram contas não regularizadas, sobras de campanha etc. E Lula  afirmou de público que isso todos os políticos faziam. O que não impediu que o Procurador-Geral  da República visse no mensalão a prática delituosa de uma quadrilha criminosa.

Adotada a teoria do dossiê — aquele que não existia e que passou a existir — criou-se uma pequena usina de rumores, primeiro contra Fernando Henrique Cardoso e Dona Ruth, depois contra ministros do governo anterior. Minha pergunta é a seguinte: quando virão os dossiês contra Lula e Dona Marisa Letícia? Não é este o futuro que deveríamos almejar. Mas no que vai do andar da carruagem dirigida por um Lula cada vez mais ególatra e irresponsável é para lá que vamos, inelutavelmente. Quem viver verá.

*********************

  (Artigo transcrito do jornal O Globo). Francisco C. Weffort é sociólogo.Grifos da redação / caminhandojornal.com

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *